O Tecle Mulher

Juntas somos mais fortes, seguimos em frente e vamos mais longe! O “Tecle Mulher” surgiu do inconformismo e experiência de um grupo de profissionais que se dedicavam ao atendimento a mulheres vítimas de violência na extinta ONG “Ser Mulher”.

Com o término do serviço local em 2006, percebemos que havia demanda espontânea para atendimento nas questões dos direitos e violência contra a mulher, através da internet.
Assim, surgiu o primeiro serviço virtual nacional denominado “Tecle Mulher”, que recebeu apoio da Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres (SPM) do Governo Federal e, em 2010, conquistou o próprio CNPJ.


Promover direitos e conscientização é nosso propósito. Buscamos estender a mão para mulheres de todo o país, principalmente aquelas que buscam auxílio, orientação e socorro.
Nosso objetivo? Mudar a realidade por meio do acompanhamento, oferecendo apoio nas áreas dos direitos e violência contra a mulher.
Valorizamos um diálogo constante entre nossos projetos e a sociedade civil, por meio de pesquisas acadêmicas, enquetes, eventos, palestras e muito mais!
Nossa equipe é multidisciplinar e composta inteiramente por mulheres que entendem o propósito da ajuda. Não tenha medo, pois você não está sozinha!

denuncie tecle mulher

Quer mais informações sobre violência contra a mulher? Quer saber como denunciar? Nós ajudamos você!

O “Tecle Mulher” já orientou milhares de mulheres nas áreas dos direitos e violência contra a mulher, oferecendo gratuitamente apoio moral, orientação jurídica e encaminhamento a serviços especializados, sejam públicos ou privados. Há um canal próprio de atendimento que garante o anonimato e segurança da mulher.

Nosso país apresenta dados alarmantes sobre a violência de gênero, colhidos por Delegacias Especializadas no Atendimento às Mulheres ou por Centros de Referência da Mulher.

Não deixe que mais mulheres virem estatística!

Sofreu alguma violência ou conhece alguma amiga/conhecida que está passando por algum tipo de violência? Preencha o nosso formulário!


 Respeito à privacidade e ao anonimato;

 Orientação para serviços voltados às vítimas;

 Profissionais especializadas em diversas áreas;

 Mais de 10 anos de experiência com vítimas de violência.

formulario de contato tecle mulher

A violência

Existem diversos tipos de violência que podem ser cometidas contra mulheres. Conheça algumas das queixas mais comuns:


Violência verbal 

(diminuir, ameaçar, xingar)

Violência sexual

(estupro, tocar em você sem consentimento)

Violência física

(socos, cortes, puxão de cabelo, apertar seu corpo, entre outros)

Violência psicológica

(maltratar, impedir você de ter contato com amigos, causar medo, etc)

Violência Institucional

(cometida por ação ou omissão de funcionários públicos no exercício de suas atividades profissionais, como em recusa em prestar atendimento e orientação, agir de forma discriminatória ou agir com omissão para casos de violência contra mulher)


Segundo nossos dados do segundo semestre de 2020, a maioria das mulheres que buscaram a ajuda do “Tecle Mulher” relataram casos de violência doméstica, sendo também notadas as violências virtual, institucional e social.


Não faça parte desta estatística, peça ajuda aqui!

Artigos

Nosso trabalho é pensando na comunidade!

A Organização da Sociedade Civil Tecle Mulher trabalha há mais de 10 anos promovendo os Direitos das Mulheres e o enfrentamento à violência de gênero. Os

principais meios para atingir nossos objetivos são o serviço virtual “Tecle Mulher” , a realização de palestras, oficinas e seminários. Os dados coletados através do serviço virtual Tecle Mulher são disponibilizados para pesquisas acadêmicas que, por sua vez, servirão de base para o fortalecimento de políticas públicas de gênero.

Desta forma, a sociedade muda junto conosco!

Caso queira acessar nossos artigos e documentos, veja mais abaixo!

ARTIGOS

Gostaria de saber sobre as leis que protegem vítimas de agressão? A Organização da Sociedade Civil Tecle Mulher compilou alguns links úteis que podem ajudar a entender seus direitos, bem como o papel do Estado na garantia e proteção desses direitos. O conhecimento é uma arma importante na luta contra a violência de gênero!

LEIS

DESENVOLVIDO POR

observatorio agencia criativa